A internet é cheia daquelas frases de efeito e motivação que dizem “estude enquanto eles dormem, trabalhe enquanto eles se divertem, lute enquanto eles descansam, depois viva o que eles sempre sonharam.” Mas quando você observa o mundo real, percebe que as coisas não funcionam necessariamente assim.

Por exemplo, aposto que em algum momento você já se matou de estudar para uma prova na escola, e aquele seu colega do fundão que só deu uma lida no caderno faltando cinco minutos pro teste começar, tirou a mesma boa nota que você. Ou ainda, aquela pessoa que sempre dormia nas aulas é aprovada no vestibular junto com você, que abriu mão de vários rolês com os amigos para ficar em casa revisando a matéria.

Imagem: Francois Duhamel / Annapurna Pictures

Num primeiro momento, a gente até acha que o mundo é injusto e tal, afinal, como alguém que não se sacrificou tanto igual a você conseguiu alcançar o mesmo objetivo? Às vezes, o mundo é realmente desigual, mas em outras situações, a nossa visão sobre as pessoas ao nosso redor é apenas limitada. Durante a fase escolar, nos acostumamos a encaixar as pessoas sob rótulos, mas não dá para julgar um livro pela capa sempre; e é esse o ponto principal da comédia “Fora de Série“.

Estrelado por Beanie Feldstein e Kaitlyn Dever, o longa acompanha as amigas Molly (Feldstein) e Amy (Dever) que, após descobrirem que todos os colegas bagunceiros de sua turma foram aprovados em excelentes faculdades e trabalhos assim como elas, que abdicaram de suas vidas sociais para estudar e tirar boa notas, resolvem aproveitar em uma só noite o que não fizeram em todo o ensino médio!

Imagem: Francois Duhamel / Annapurna Pictures

Engraçadíssimo do começo ao fim, e com um texto atual e inteligente, “Fora de Série” não é apenas uma excelente comédia, mas também o melhor filme com temática adolescente dos últimos anos! Sob o comando da atriz Olivia Wilde, que faz aqui sua brilhante estreia como diretora, o longa foge das soluções simplórias típicas de produções teens e do gênero “coming of age”, e entrega um retrato fiel da complexa juventude contemporânea.

Apesar da premissa não ser das mais originais, o roteiro escrito por Katie Silberman, Emily Halpern, Sarah Haskins e Susanna Fogel, é repleto de reviravoltas e surpresas. Sem furos ou pontas soltas (algo difícil de conseguir se pensarmos na quantidade de mãos envolvidas na escrita da história), o longa tem um desenvolvimento muito bom e não perde o fôlego ao longo de sua uma hora e quarenta e cinco minutos de projeção. Vale dizer ainda que todas as cenas, diálogos e personagens são importantes para a trama como um todo, não sobrando espaço para barrigadas.

Imagem: Francois Duhamel / Annapurna Pictures

Por falar em personagens, um dos pontos fortes de “Fora de Série” é o seu elenco. Aguçadas e com um ótimo timing para piadas, Beanie Feldstein e Kaitlyn Dever são ótimas protagonistas e dispõem de muita química em tela! Na pele da nerd Molly, Feldstein desconstrói a imagem sem graça e comumente vista em filmes e séries que esse tipo de personagem possui. Hilária e com bastante carisma, ela é o motor que desenvolve a trama! Sem ficar para trás, Dever dá um toque de personalidade a mais contida Amy. Mesmo servindo de escada para o humor de sua amiga, ela é responsável pela maior reviravolta do roteiro, e consegue brilhar em várias cenas.

Embalada por uma trilha sonora impecável, que reúne diversos hits e com certeza deixará seu dedo preso no botão de replay na playlist do Spotify, “Fora de Série” consegue empoderar mulheres e LGBTQ+s, dar visibilidade a todos os tipos de jovens sem torná-los estereotipados, fazer a plateia rir (e muito!), além de possuir excelentes referências (históricas e pops) e fazer sutis, mas afiadas, críticas ao sistema educacional norte-americano (que também podem ser aplicadas em nosso país). Muito mais que uma simples comédia, este é um daqueles filmes que você sabe que será lembrado daqui a 10, 15 anos. Um novo clássico do século XXI!

NOTA: 10


Direção: Olivia Wilde;
Duração: 1h45;
Gênero: comédia;
Classificação Indicativa: 16 anos;
Sinopse: Melhores amigas e alunas fora de série, Amy (Kaitlyn Dever) e Molly (Beanie Feldstein) sempre focaram em tirar as melhores notas e se destacar dos demais alunos. O que nenhuma delas esperava era que seus colegas que só queriam curtir, fossem aprovados nas mesmas universidades que elas. Ao perceber que poderiam ter se divertido entre uma prova e outra, elas decidem correr atrás do prejuízo e recuperar os anos perdidos de diversão em uma única noite. A tarefa dessa vez é um pouco diferente: aproveitar ao máximo os últimos momentos do ensino médio e provar que podem ser as melhores em tudo, até mesmo quando o assunto é festa!

Trailer:

COMPARTILHE

Deixe uma resposta